A lógica infantil

Faz parte do Happy Meal bloquista (e não só) e, de quando em vez, lá volta. Falo do pecado do jogo na bolsa, o primeiro dos pecados mortais da bíblia anti-capitalista. Pagarás impostos por todos os pecados capitalistas que não estejam listados no catecismo católico (sim, porque os pecados cristãos não são pecados anti-capitalistas, eles não caiem nesse tipo de moralismo).

Pois parece ser complicado perceber porque é que quem ganha dinheiro a trabalhar paga imposto e quem ganha dinheiro a dar trabalho aos outros, não. Eu explico, porque o valor das acções é determinado pelos fluxos de dinheiro que quem investe no inferno, perdão, na bolsa, espera ganhar no futuro. A esses fluxos de dinheiro já estão retirados os impostos que a empresa paga, bem como os impostos que o detentor das acções paga pelos dividendos que recebe. Ou seja, não só paga impostos uma vez, como paga duas. Pior, o valor das acções vem afectado do pagamentos desses impostos no futuro sobre lucros que ainda nem sequer se tem a certeza de receber. O que significa que o detentor das acções fica mais pobre pelos impostos que paga duas vezes, agora e no futuro. Aquilo que o Sá Fernandes, quando propôs a lei, não entendeu e ainda hoje anda em complicados exercícios matemáticos  com os dedos dos pés a tentar perceber.

Mas, para tamanho pecado, isto não parece ser castigo suficiente, e estas pessoas que andam a dar empregos devem pagar ainda mais impostos e é em grande parte por isto que o país não anda para a frente. Porque um montante de 51% do PIB do país parece ainda não representar uma carga fiscal suficientemente grande para aquilo que um verdadeiro esquerdista entende que o país deve fazer que é…o…enfim, não deixar que certas e determinadas pessoas possam ganhar mais dinheiro por meios que não parecem moralmente correctos.

No entanto, não são nenhuns fanáticos. São a favor do investimento e da bolsa, desde que quem ganhe dinheiro com isso pague impostos a triplicar. Os ricos que paguem a crise, desde que os pobres comecem em mim.

Anúncios

Sobre Tonibler

Um vintém será sempre um vintém, um cretino será sempre um cretino
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

16 respostas a A lógica infantil

  1. Se eu pago impostos porque não a bolsa? Tem alguma coisa contra o trabalho?

  2. Qualquer imposto que recaia sobre esta actividade, é no meu entender justificado, desde que a carteira seja avaliada no seu todo, ou seja, o imposto cairá sobre os lucros da actividade e não sobre uma acção ou lote de acções de uma empresa, não tenho a certeza, mas penso que existe este sistema em quase toda a Europa.

    A actividade bolsista não é geradora de empregos a não ser nas correctoras e na própria bolsa.

    • Claro que é. O facto das acções estarem cotadas permite aos accionistas fazerem empréstimos sobre essas acções e investirem em novos negócios. Esta é a história da SONAE cOM, por exemplo, foram os empréstimos sobre as acções da sonae que permitiram criar o que deve ser algo como 4000 postos de trabalho. Se essas acções não forem cotadas e transaccionadas, os bancos não têm valores a que se agarrar e não financiam tal coisa.

  3. Está a falar no caso da SONAECOM que tem um negócio em expansão, se a SONAECOM fosse uma Lda. criaria os mesmos 4000 postos de trabalho.

  4. Então explique-me como é que a EDP (uma PSI-20) tem menos empregados?

    • Que quê? De qualquer forma está a pegar numa empresa cujos donos não tinham (por enquanto) problemas de financiamento. Mas agora imagine com que é que eles investiam, se não fossem cotados? Com livranças? Ou com um banqueiro porreiraço?

  5. Elisário,

    Pensa na Microsoft, na Google, na Nokia, no BCP, tudo. Pense em todas estas empresas e na capacidade que têm em se financiarem sendo cotadas e não sendo cotadas.

  6. A questão aqui é se os lucros, e só só lucros, da actividade bolsista devem ou não ser taxados, eu pessoalmente penso que sim, por que o Toni enquanto empresário também é duplamente taxado quando há repartição de lucros, a empresa já pagou o seu IRC mas como distribuiu dividendos pelos sócios esses dividendos também são alvo do fisco à taxa de 40%, outro caso, as heranças, se o papá ou a titi não tiverem o bom senso de colocar os bens em nome dos herdeiros em vida o que acontece é que também são alvo do fisco, e aqui estamos a falar de dinheiro ou bens adquiridos, por norma, com dinheiro do trabalho, já pagou todos os impostos que tinha a pagar.

  7. Afonso Apolinário diz:

    Ó Toni onde foi buscar este layout ? é foleiro à brava.

    Quanto ao negócio da bolsa eu se tivesse acções também não queria pagar, mas como não tenho acho que devem pagar e bem, que é para ver se aliviam o IRS

    • Foleiro??? Fosga-se é lindo…Não é lindo?

      Sim, é por isso que temos défice desde a guerra do ultramar, é porque aliviam no IRS…O bom de entrarmos na UE foi isso, as contribuições europeias aliviaram o IRS. E o combate à fuga ao fisco também, aliviou o IRS. Aliás, a nossa história é esta, já nem sei o que fazer a tanto alívio…

  8. Pronto, então vamos deixar a questão de se produzirem postos de trabalho e vamos falar no abstracto (enquanto mandámos uns milhares para o desemprego, neste mero raciocínio)

    Vamos então à questão inicial, dos lucros. Aquilo que me está a dizer é que devo ser taxado uma terceira vez. Portanto devo ser taxado por ter resultados no meu investimento, do meu investimento e por este ter valorizado por ter tido resultados.

    Quanto às heranças, uma estupidez não justifica outra. As das heranças é estúpida em si mesma, não precisa das acções para ser mais ou menos estúpida.

  9. Claro que se falar a uma pessoa de esquerda se devemos incentivar o investimento estrangeiro, parece um perú a dar vivas, mas se falarmos de incentivar o investimento interno passa tudo a ser pecado. É por isso que esquerda e inveja são a mesma coisa.

  10. Wyrm diz:

    Ó Toni! Vai na volta a bolsa de nova iorque e uale strit são do mais comuna que há… Eles até taxam as mais valias, “fosga-se”.

    Mas continua a escrever pérolas destas… a idiotice é tanta que trollar fica bem mais fácil…

  11. Wyrm diz:

    E se não queres ser taxado vai viver para um atol no pacífico e faz lá fortuna. Aí só dependes mesmo de ti e nào tens que pagar impostos que sendo mal ou bem aplicados (se são mal, vota de outra maneira ou funda um partido politico) são a retribuição que tens de pagar à sociedade pela sorte de teres nascido nela. Devias estar agradecido por estares num país em que isto se discute: no burkina faso não sabem o que é arroz quanto mais o que é uma Bolsa…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s