Jornalismo de esgoto

Conheci pessoalmente a pessoa em questão. Trabalhei directamente com ele em algumas ocasiões e, ao contrário do que se pode dizer de Inês Cardoso, autora do artigo, era um profissional conhecedor do que fazia e cuja carreira foi feita, primeiramente, fora do BPN (no BCP, creio) e só depois foi contratado para o Banco Efisa, um dos bancos do grupo chefiado por Abdul Vakil. Das pessoas quem lidei do BPN, era claramente a mais conhecedora de finanças e, por isso, era o responsável pelas operações da sala.

Nada disto foi apurado pela jornalista que, para o artigo,  lhe basta quem é o pai. A jornalista Inês Cardoso, que assina o artigo com um tal Filipe Paiva Cardoso. É um jornal com muitos Cardosos, não é?

Anúncios

Sobre Tonibler

Um vintém será sempre um vintém, um cretino será sempre um cretino
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

2 respostas a Jornalismo de esgoto

  1. Não conheço, nem sabia da existência dele, mas ao ler a noticia também achei a coisa um bocado estúpida, a jornalista escreveu um pouco na lógica do ditado “diz-me de quem és filho direi-te quem és!”

  2. a. pinho cardão diz:

    Oh Tonibler, só agora reparei que este dintinto blog decidiu entrar na bolsa.

    Decisão profundamente inovadora!…
    Conte desde já comigo para os trabalhos a apresentar à CMVM e Euronext. Disso já me passaram várias pelas mãos…
    Nova York também? E Xangai? Xangai é obrigatório!…Negócio da China pela certa!…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s