Não há pachorra…

Estou a ver o programa da SIC Notícias chamado “Expresso da Meia-Noite” com uma série de economistas e gestores sobre o PEC. Curiosamente, todos focam na “visão que temos do país”, na redefinição do “tecido económico”  para criticar o pacote de privatizações do governo. O Luciano Amaral é, então, de uma pobreza de espírito impressionante e de uma incapacidade de entender a economia absurda para quem é, supostamente, professor da dita. Mas aquilo que me parece mais absurdo no meio de estruturações e estratégias é que ninguém se questiona sobre “não foram as estruturas e estratégias que nos trouxeram exactamente a este estágio?”. Já alguém admitiu que os portugueses só precisam de meios não precisam de fins? Já alguém se questionou que não vale a pena estar a dar educação e saúde a uma população para depois lhe estar a constranger as opções com “estratégias, consensos, estruturas”?

Anúncios

Sobre Tonibler

Um vintém será sempre um vintém, um cretino será sempre um cretino
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s