Ciganos

A questão dos ciganos nunca foi simples. Estou certo que a expulsão dos ciganos romenos e búlgaros de França deve ter o apoio da esmagadora maioria dos franceses. Arriscava até nuns 95%, para não estarmos a atirar a coisa para cima do Sarkozy embora, claro, ele tivesse que estar acima dessa merdas.

Mas há um facto inquestionável, a cultura cigana não é compatível com a judaico-cristã do hemisfério ocidental. Podemos dizer que nem todos aqueles que geneticamente são ciganos, são culturalmente ciganos, nem que existe uma única cultura entre os que geneticamente são ciganos. E, por isso, tratá-los a todos como bichos é uma estupidez. Mas a cultura que faz do roubo aos gaidjins uma actividade louvável, não é compatível com a nossa e não há que escondê-lo.

Podemos esconder que as prisões portuguesas estão repletas de ciganos, dos dois sexos. Ou podemos dizer que isso é um sinal do racismo da polícia. Ou podemos ir ao fundo da questão e tentar perceber como é que se muda a cultura cigana, a bem ou a mal.

Os judeus fazem a mesma coisa. Com as mesmas razões dos ciganos, fazem perpetuar a sua cultura fechando-se na sociedade que as rodeia. A diferença é que foram eles que formaram a nossa cultura e, por isso, a compatibilidade não é questão.

Agora, condenar os franceses pelo que estão a fazer? Tenho que puxar muito pelo meu lado racional. Muito. E olhar para os olhos negros de uma miúda qualquer que vai ser expulsa e que não tem culpa nenhuma. E estou certo que, se eles estão a ser expulsos de França e não de Portugal, tal se deve a acções policiais que nenhum de nós quer realmente saber.

Anúncios

Sobre Tonibler

Um vintém será sempre um vintém, um cretino será sempre um cretino
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

24 respostas a Ciganos

  1. Tratam-se de cidadãos europeus desde 2007 com o direito à livre circulação, embora estejam num regime transitório que lhes restringe o trabalho assalariado durante 7 anos.

    O DN fala em 79% de Franceses apoiantes das medidas de Sarkozy, é bastante discutível a medida e o apoio dos Franceses.

    C’est La Vie

  2. Tonibler diz:

    Elisiário,

    O facto de serem europeus é tinto. Se fosse o governo português a expulsar os ciganos portugueses teria o apoio de 80% dos portugueses.
    Há um problema com os ciganos que não pode ser tratado pela lei geral. E não vale a pena andar a esconder isto.

  3. Manuel Baginas diz:

    Este é um dos posts mais fascistóides que alguma vez vi.
    Tenha vergonha nessa cara. Já pensou o que é que se pode fazer para eliminar a sua falta de cultura ?

  4. Manuel Baginas

    Leu bem o post? leia e torne a ler e vai ver que não encontra nada de “fascistoide”, é discutível aquilo que Tonibler escreve? É, mas é para isso que aqui estamos é para discutir e trocar ideias, porque blogs que escrevem o óbvio não criam discussão nem trocam ideias, é assim uma coisa merdosa.

    Tonibler

    Não podemos é criticar estas coisas quando acontecem noutros países a conterrâneos nossos, e depois vir no nosso pais apoiar, não passou muitos anos que existiu uma onda na Áustria contra Portugueses.

    • Tonibler diz:

      Apoiar? Eu não preciso de apoiar, o que não falta são franceses para isso. E não estou a falar de um problema romeno ou búlgaro, esse problema não existe. Mas existe um problema de choque de culturas entre os ciganos que seguem o princípio da superioridade racial e a cultura europeia. Isso é inquestionável.

  5. Manuel Baginas diz:

    Caramba, se isto não é fascistóide também o Hitler e seus comparsas eram de esquerda. Acho que o sr. está a legitimar este fascista ou entaõ está a brinar. ENtão escrever “Mas a cultura que faz do roubo aos gaidjins uma actividade louvável, não é compatível com a nossa e não há que escondê-lo” não é o mesmo que dizer que “a ciganada promove o gamanço” ?

  6. É um facto, está em mudança mas ainda é um facto, e só quem não conhece a cultura cigana pode dizer o contrário, assim como os casamentos mistos não são bem vistos, no entanto existem e em certos casos, após alguma luta, são aceites, existem mudanças mas não atingem a totalidade da etnia, como em tudo há os mais liberais e os mais ortodoxos.

    Neste campo a raça preta foi mais rápida a mudar hábitos ajustando-se aos costumes europeus.

    Discutir isto é necessário coragem e alguma “brandura” não vão os velhos do Restelo acusar-nos de “fascistoides” ou outras coisas bem piores.

  7. Manuel Baginas diz:

    Nao foia si que acusei de ser fascistoide, mas sim quem escreveu tal texto. A brandura nao pode legitimar posições racistas e xenofobas. A constituição Republicana não o permite.

  8. o baralho diz:

    Pergunto:

    Já alguém viu um cigano romeno a trabalhar?

    Os esquerdalhas que os sustentem, já que gostam tanto deles.

  9. Manuel Baginas diz:

    E o bandalho do baralho faz alguma coisa para alem de bater piveas ?

  10. o baralho diz:

    Porquê… Controlas umas ciganitas romenas?

    • Manuel Baginas diz:

      foda-se que é mesmo atrasadote mentaloide. Estamos aqui a debater um assunto serio, baza lá para a tua mitra ó cabrãozão do caralho

      • o baralho diz:

        Baginas , píveas… afinal eu só fiz uma pergunta, ou és esquerdalha?

        Deves ser dos tais que pensam que as ciganas romenas contribuiem para o PIB, a pedinchar nas entradas de tudo quanto é sítio.

        Vai-te tratar ó esquerdalha.

  11. Manuel Baginas

    Racista ou xenófobo era se o Tonibler apoia-se ou estivesse com aqueles que os querem fora do espaço europeu, mas ele não, leia e releia o post, o que ele diz é que a maioria dos portugueses, assim como em França, apoiam aquele ou aqueles que os querem repatriar, embora não haja a coragem de o admitirem, leia o post.

  12. Manuel Baginas diz:

    o sr. está a assumir que o Toniblair se põe de fora dessa maioria. Este texto é um panfletário, é incendiário e grita bem alto “fora da ciganada daqui também”

  13. Hó Manel

    Vou só aqui deixar o ultimo paragrafo do post, se depois de ler isto ainda continuar a afirmar que o texto é xenófobo e coisa e tal e tal e coisa, sou obrigado a deduzir que o Manel tem dificuldade em compreender textos escritos.

    Aqui vai:

    Agora, condenar os franceses pelo que estão a fazer? Tenho que puxar muito pelo meu lado racional. Muito. E olhar para os olhos negros de uma miúda qualquer que vai ser expulsa e que não tem culpa nenhuma. E estou certo que, se eles estão a ser expulsos de França e não de Portugal, tal se deve a acções policiais que nenhum de nós quer realmente saber.

  14. Sérgio Pinto diz:

    Tonibler,

    Acho extraordinário que consideres que rotules/estereotipes um qualquer conjunto de pessoas e não percebas que isso não é grande ponto de partida para coisa alguma. Além de reminiscências de má memória, não deixa de ser irónico que alguém que defende sempre o ‘individualismo’ assuma posição tão ‘homogeneizante’.

    E isto de “não podem ser tratados pela lei geral”?! São cidadãos europeus residentes num país (também da UE) que afirma reger-se por uma Constituição, como poderia ser admissível NÃO serem enquadrados pela lei geral?

  15. Tonibler diz:

    Pinto,

    Porque não considero válido que se crie uma lei especificamente para as pessoas que, por motivos raciais, se considerem com direitos sobre os outros. Mas se o problema é um problema de criar uma lei para isso, crie-se. Até porque o post não é sobre sos ciganos romenos em particular.

    Eu não assumi nenhuma posição homogeneizante, apenas reconheci um conflito que decorre do ‘sobre os outros’, não fosse esse detalhe e que estava-me a cagar.

    • Sérgio Pinto diz:

      Tonibler,

      Mas o problema é que possa haver quem se considere ‘racialmente superior’ aos restantes? Se sim, acho que continuas a generalizar um traço a toda uma comunidade.

      Por outro lado, facilmente se encontram outros grupos populacionais com a mesma crença de ‘superioridade’ (ex., fundamentalistas religiosos), sem que tal possa ser generalizado a todos os católicos, judeus, muçulmanos, etc. E, no fundo, nada os impede de se considerarem superiores, desde que não quebrem as leis do país em que residem – e quando o fazem, sujeitam-se ao código penal, idêntico para todos os cidadãos.
      Do que percebi, as tuas interrogações no post e nos comentários subsequentes também advinham do facto de parte assinalável da população prisional ser composta por ciganos. Dando isso de barato como facto (não tenho números), supõe-se que não haverá falta de medidas repressivas (afinal, já estão presos), pelo que o caminho teria tendencialmente que ser outro.

  16. Tonibler diz:

    Não, tu é que estás a generalizar, eu particularizei bem o problema.

    E parece-me que não me exprimi bem no post. Eu no post falo das outras comunidades/manias/religiões/whatever que se consideram superiores. A questão é que há uns que se consideram superiores, mas que “somos nós”, como é o caso dos judeus. O facto dos judeus se considerarem superiores em nada implica connosco porque a cultura deles é mãe da nossa. E alguém se considerar superior não é crime.

    Só é crime quando essa mania de superioridade reduz os direitos dos que estão de fora. Os ciganos que cumprem com a mania da superioridade não usam os mesmos valores para os que estão de fora. Roubar também é crime entre todos os ciganos. Para os que embirram que são superiores, não é crime roubar aos não ciganos. E isso já é um problema, particularmente porque não é só o roubo que deixa de ser crime.

    Agora, o facto de não ser crime para eles não deixa de ser crime para nós, e isso gera um choque. Um choque que faz com que não te interrogues (nem eu) com o que aconteceu com as dezenas de crianças ciganas romenas que andavam a pedir nos semáforos de Lisboa há uns 4 anos. De um dia para o outro, desapareceram, para alívio de todos nós. Um choque que faz com que as prisões estejam cheias de ciganos(também não tenho números, mas lembro-me de ver que mais de metade já foi condenada por qualquer coisa).

    Claro que o caminho será tendencialmente outro. Mas não é bom, implica entrares à força pela cultura da superioridade.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s