Suponhamos.

Bem sei que o Vítor Constâncio tem o seu “quinhão” de culpa, posteriormente o Teixeira dos Santos, principalmente quando nos disse que “isto” do BPN não nos ia custar um “chavo”, Sócrates tem também o seu quinhão de culpa, quanto mais não seja por existir.

Mas vamos aqui trabalhar com a teoria do suponhamos.

Suponhamos que Cavaco não é Cavaco mas sim Sócrates, que Dias Loureiro não é Dias Loureiro mas sim Armando Vara, suponhamos ainda que Cavaco a um mês de Dias Loureiro ser indiciado réu no caso BPN jura a pés juntos confiar no seu “delfim”, mas como estamos a trabalhar no suponhamos, não é Dias Loureiro é Armando Vara, não é ex-conselheiro de estado mas sim ex-administrador do BCP, suponhamos que Cavaco que não é Cavaco mas sim Sócrates, teve umas acções do BPN/SLN que comprou hoje e vendeu amanhã com rentabilidade pouco usual na bolsa, estamos a falar de Sócrates que não é Sócrates mas sim Cavaco, ou é ao contrário? Estamos a falar do personagem que inventou umas escutas que nunca existiram, com uns encontros que nunca houvera, como diz uma amiga minha da Linha “Jesus” (em inglês).

Com este quadro de “suponhamos” já tinha saído da “toca” um arquitecto/jornalista mais uma jornalista/sócia de pasquim, mais outro que queria ir para adido cultural da embaixada dos EUA, já se tinha organizado escutas, processos de averiguação e já tinham perscrutado a vida privada do individuo, as casas que tem as casas que a mãe tem as casas que a mulher tem mais as casas que o tio tem mais os retiros espirituais do primo e eu sei lá que mais.

Cavaco, para gáudio de alguns é a coisa mais parecida com um Deus, é intocável, uma aberração criada pela democracia que passa de fascista assumido a democrata, que resvala por toda esta crise sem ninguém lhe apontar um dedo, até os jornalistas veneram sua santidade o “Fascista Cavaco” não percebendo quanto imbecis se mostram.

Sobre Elisiário Figueiredo

Camaradas...! Eh, camaradas...! ouvi, Que vou dizer-vos quem sois, Pois vou dizer-vos quem sou.
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

4 respostas a Suponhamos.

  1. Tonibler diz:

    Suponhamos a merda. Este é o mesmo cenário em que o Sá Carneiro era culpado do irmão ter um dívida de 33 mil contos a não sei quem que os comunistas arranjaram há uma carrada de anos. Querem atacar o homem, têm montes de merda por onde o atacar, escusa de ser porque o Dias Loureiro é uma merda de um gestor.

    O Constâncio e o Teixeira dos Santos foderam 5 mil milhões de euros da CGD à conta do BPN. “Bem sei”, não, foderam 10 vezes mais que o gajo que roubou o banco. 10 vezes mais. Como é que um gajo é culpado por ser amigo de um gestor que fazia parte do banco cujo administrador roubou e os gajos que foderam 10 vezes mais que o ladrão é “bem sei”????? Ora, não me fodam!….

  2. O Sá Carneiro já morreu à trinta anos e ficou a dever uma pequena fortuna na altura, segundo me lembro e se perder um pouco de tempo à procura sou capaz de encontrar um dossier com isso tudo, ele foi avalista do irmão, ou seja o irmão não pagou tem que pagar o avalista, ou por se chamar Sá Carneiro a deixou de ter responsabilidades?

    Se o camarada ler com a tenção o post, o que penso não o fez, vai ver que eu não estou a tirar responsabilidades a ninguém sobre o caso BPN, mas sim a demonstrar que por menos, José Sócrates se viu envolvido numa teia de acusações por causa de alguém com quem tinha uma ligação de amizade assim como o Fascista Cavaco tem com Dias Loureiro, mas mais, nunca foi provado que Sócrates tivesse beneficiado com essas ligações, já o Fascista Cavaco beneficiou, quanto mais não seja por “informação privilegiada”.

  3. Tonibler diz:

    Portanto o crime do Sá Carneiro foi ser avalista do irmão….

    O José Sócrates foi ilibado por falta de provas, mas o Vara está a acusado de vários crimes de corrupção e tráfico de influências e as escutas revelam que ele conspirou com este para vários actos ilícitos, nomeadamente a manipulação de um orgão de informação. Isto foi provado. O Dias Loureiro foi uma merda de um gestor e o crime do Cavaco é, aparentemente, ser amigo do Dia Loureiro que, curiosamente, é mais amigo do Sócrates.

    O CAvaco tinha acções de uma empresa não cotada, não sendo cotada não pode dizer nada sobre o assunto.

  4. Está o camarada a dizer que o Dias Loureiro é um gestor que coitadinho foi o quê?

    O Dias Loureiro é compadre do Fascista Cavaco Silva e um corrupto de merda, fodeu o BPN com centenas de milhares de euros, e nem homenzinho é, deixa o Oliveira e Costa pagar as favas sozinho, deixa ele e Cavaco que com aquela operação das acções do BPN/SLN “abichou” uma boa maquia, ofshore… of course.

    Quanto a Sá Carneiro, o crime dele foi não pagar uma divida da qual era co-autor, é assim, ou o camarada não sabe? não sabe que quando se é avalista esse co-responsável? ó camarada, até lhe fica mal, um homem que conhece tanto de banca não saber uma coisa corriqueira como esta.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s